DestaquesGeral

Sul da Bahia tem cerveja artesanal produzida com películas de sementes de cacau biodinâmico

Cacau Brown é uma parceria entre a Conduru Viva e Cacau Orgânico Santa Tereza

 

Muitas das grandes cervejas mundiais tem suas origens em monastérios franceses, belgas e alemães. Cabia aos monges trapistas a tarefa de como de identificar de forma criteriosa e olhar experiente cada elemento ao qual se destinava a preparação de uma nova cerveja, seus teores de sabor, cor, perfume, corpo,  enfim, todo o conjunto que conferia fama as suas produções.

Com rigor trapista e critério de alquimista, o empreendedor Rafa Dal Santo, radicado no povoado de Serra Grande, um paraíso ecológico no Sul da Bahia, vem desenvolvendo uma série de pesquisas usando elementos da Mata Atlântica nas  suas receitas. Ele  utiliza frutas locais e sementes, disponíveis na região, de forma responsável e sustentável.

Rafael Dal Santo

O cacau faz parte das cervejas artesanais produzidas por Rafa. Na  produção da cerveja  Cacau Brown,  uma IPA com 6% de teor alcoólico (ABV) e 40 de IBU (escala de amargor),    ele utilizou  Películas da Semente do Cacau Biodinâmico, para conferir sabor e aroma, que segundo ele, é uma preciosidade quase sempre descartada pelos produtores, substituindo pelo uso de nibs, uma alternativa que reduz  os custos sem perder a essencial qualidade.

A Cacau Bronw é um parceria colaborativa entre as empresas   Conduru Viva  e a Cacau Orgânico Santa Tereza, de Itacaré, dirigida por Mathieu Hourcade.

Foco na Qualidade

De acordo com a AIPC – Associação Nacional das Indústria Processadoras de Cacau, existem mais de 66 mil propriedades rurais no Brasil, dedicadas ao cultivo de cacau, base para as indústrias de chocolates e seus derivados no mundo inteiro.

De acordo com  o pesquisador da Embrapa Territorial, o doutor em Economia Ecológica,  João Mangabeira, o Brasil é o único país produtor de cacau com tecnologia instalada para processar as amêndoas, já que domina todos os elos da cadeia produtiva desde o plantio até a produção final de chocolates de excelente qualidade.

Com a possibilidade do cultivo de cacau a partir de sistemas agroflorestais, torna-se possível também pensar na produção com manejo orgânico e biodinâmico, já que a planta é nativa do bioma amazônico.

Agricultura Biodinâmica

Com base nos princípios e abordagem filosófica holística, conhecida como “Antroposofia”, descrita em 1920 por Rudolf Steiner, a agricultura biodinâmica é um ecossistema auto-regenerador livre de pesticidas e fertilizantes químicos.

Uma fazenda biodinâmica é definida como um organismo vivo onde os animais, solos, culturas e seres humanos interagem dentro do sistema completo. Uma variedade de técnicas agrícolas sustentáveis são usados para a fertilidade máxima do solo, a pecuária, a compostagem e a rotação de culturas, para manter o equilíbrio ecológico visando a dependência mínima de insumos externos. Influências da Lua e outros planetas também são levados em conta.

O método de criação biodinâmica requer um elevado compromisso da parte do agricultor, com uma sensibilidade especial e observação das interações que ocorrem na natureza. Com sede na Alemanha, Demeter International é única certificadora do Selo Biodinâmico do mundo. (com informações do Blog  Sossego da Flora)

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar