DestaquesGeral

Produtores do Sul da Bahia apostam na mistura de sabores, parcerias, inclusão e ações sociais para surpreender na Páscoa 2022

Marcas regionais de chocolates de origem apresentam novidades para encantar clientes

Quando se fala em alavancar as vendas de chocolate, a Páscoa é, sem sombra de dúvidas, o período mais promissor. Uma data que festeja a comunhão e concelebração entre familiares e amigos, simbolizado pelo renascimento de Cristo, tem o produto dos deuses, como o grande laço que liga e une as pessoas em pequenos gestos de amor e afeto, através de um presente de ovo de páscoa, uma caixa de bombons finos, ou até mesmo, uma barra de chocolate. E o que não faltam são opções de produtos e marcas no mercado nacional e regional.

No Sul da Bahia, a crescente produção de chocolates de qualidade tem sido a grande aposta para o mercado, onde encontramos uma variedade de produtos feitos com base na economia sustentável, que trazem em sua essência, não só a qualidade das amêndoas de cacau selecionadas, mas também, o toque do chocolate gourmet, o chocolate de origem. Muitas dessas marcas possuem certificação *IG e que de quebra, ainda ajudam a impulsionar pequenos e médios produtores de cacau e fortalecer a agricultura familiar.

Algumas marcas da região resolveram investir e alavancar as vendas nas páscoa deste ano, o que resultou numa mistura de sabores, parcerias, inclusão e ações sociais para surpreender e encantar clientes.

ChOr: aposta no mix de produtos tradicionais e fortes parcerias

 

A marca ChOr, Chocolate de Origem, como todos os setores, sofreu com os impactos da pandemia, mas volta a encarar o mercado com otimismo.

Presente no setor desde 2013 e atualmente com mais de 50 revendas no Brasil, está focando nas áreas do nicho e as fortes parcerias nesta Páscoa. “Percebo um trabalho intenso de kits para presentes. Agora na Páscoa, vi diversos parceiros montarem kits com ChOr. Está sendo uma Páscoa diferente para a gente, mas não menos especial. Aliás, esse é um tempo de renascimento”, conta Luana Lessa, uma das sócias proprietárias.

A empresária, que é Ilheense e neta de cacauicultores, destaca a qualidade de toda a matéria prima que permite um chocolate saudável e gostoso em sua marca. “A homenagem que fazemos às nossas origens: Ilhéus com nosso 44% Cacau ao leite São Jorge dos Ilhéus, Porto Seguro com nosso 70% Cacau Terra de Santa Cruz, Salvador com nosso 88% Cacau Bahia de Todos os Santos, à toda Bahia com nosso 55% Cacau ao leite Terra da Felicidade e o nosso Oro Negro 77% Cacau, homenageando ele, o alimento dos Deuses, é o diferencial dos nossos produtos”, pontua.

Além do mix já existente, a grande novidade da ChOr, é entregar aos consumidores novas formulações, ampliar os pontos de vendas, além de exportar. “Vamos entrar forte no mercado de NIBS”, diz a empresária.

Benevides Chocolates: de olho na inclusão de pessoas e mistura de sabores da região

A junção dos sabores do cacau, com os sabores do sul da Bahia é a novidade que a marca Benevides vem trazendo para esta Páscoa. “A gente tem ovo de páscoa com jaca e com cupuaçu, chocolate com sapucaia, chocolate com manga. São várias opções com sabores regionais”, declara Leilane Benevides, empresária e gestora da marca.


Outra grande sacada, foi pensar a Páscoa como um momento de inclusão social de grupos de pessoas com restrição alimentar, como os veganos. “Estamos fazendo ovos de páscoa veganos, uma opção que não leva em sua produção, leite animal e seus derivados. “A gente sabe que muitas crianças e pessoas com restrições alimentares ficam excluídas nesse período de páscoa. Os chocolates industriais possuem ingredientes que eles não podem consumir, então, estamos trazendo chocolates , com opções em formato de ovo de páscoa para que todos sejam incluídos nesse período e fiquem felizes”, declara.

A expectativa para esse ano, segundo Leilane, é “extrapolar” todos os limites até então explorados. “A gente pretende comercializar em torno de meia tonelada de chocolate esse ano”, finaliza.

Bahia Cacau: promoções especais e foco em ações sociais

A marca Bahia Cacau, apostou nas promoções especiais e na solidariedade para o período de Páscoa. Os chocolates estão com preços diferenciados na loja própria que fica no Shopping Jequitibá, em Itabuna. A outra novidade, é que as lojas de Ibicaraí, doaram 1.500 unidades de barras de chocolates à Secretária da Educação do Município, fortalecendo ainda mais as ações sociais para a Páscoa. Tais ações, aconteceram em conjunto com a agroindústria de chocolate ibicarieense que fabrica os chocolates finos, a partir das amêndoas de cacau produzidas e entregues pelos agricultores familiares da região.

De acordo com o diretor comercial da marca, Josivaldo Dias da Silva, os ovos de páscoa e as barras de chocolate variam entre 35%, 50%, 60%,70% e 75% de cacau. “Os bombons de chocolate com frutas típicas como jaca, cupuaçu, banana, goiaba, umbu, café, licuri, abacaxi, nibs, cacau em pó e as amêndoas de cacau caramelizadas, podem ser encontradas com descontos convidativos. Os clientes têm a opção também de montar kits para presentes”, frisa.

 

Para Osaná Crisóstomo Nascimento, diretor-presidente da Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba) gestora da marca de chocolate, a “Pascoa é uma data importante pela ressureição de Cristo, e a Bahia Cacau também comemora, por considerar um momento especial para humanidade, a ser lembrado com a degustação de um bom chocolate e com atitudes solidárias”, diz.

Natucoa: variedades, certificação da IG,  variedade e compromisso ambiental

Dessa nova geração de produtores de cacau e empreendedores de chocolates gourmet e de origem, podemos destacar Carine Assunção, que está á frente da marca Natucoa Chocolate Sul Bahia. Em atuação no mercado desde 2018, ela conta que o diferencial é a produção de chocolates sem leite e cacau com certificação de *IG no mercado. A Natucoa é a marca de chocolates finos da Coopessba, uma Cooperativa formada por pequenos e médios produtores da agricultura familiar que estão localizados na região da Mata Atlântica de Ilhéus-BA, com sistema de produção Cacau Cabruca, garantindo sua rastreabilidade, produção de cacau que leva em consideração a responsabilidade ambiental e social. Os chocolates da marca utilizam ingredientes naturais, sem leite e aromatizantes.

 

_*O registro de Indicação Geográfica (IG) é conferido a produtos ou serviços que são característicos do seu local de origem, o que lhes atribui reputação, valor intrínseco e identidade própria, além de os distinguir em relação aos seus similares disponíveis no mercado. São produtos que apresentam uma qualidade única em função de recursos naturais como solo, vegetação, clima e saber fazer (know-how ou savoir-faire).*_

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar