DestaquesGeral

Jorge Amado, cacau e chocolate

 

Nascido em Itabuna em 10 de agosto de 1912 e criado em Ilhéus, nas terras do cacau, onde viveu até a juventude, Jorge Amado levou o Sul da Bahia para o mundo, através de obras memoráveis como ´Cacau`, ´São Jorge dos Ilhéus` , ´Terras do sem fim`, ´Tocaia Grande`, ´Gabriela Cravo e Canela`.

 

Com Jorge Amado, o cacau, fruto que dá origem ao chocolate, deixou de ser apenas um produto para se transformar numa lenda, que encantou e encanta leitores de todo o planeta.

O escritor não viveu para ver a região produtora de cacau para se transformar num efervescente polo produtor de chocolates de origem, mas certamente é a fonte inspiradora e catalizadora de uma nova geração de empreendedores, como Marco Lessa, João Tavares, Henrique Almeida, Gerson Marques…

 

Em 2018, durante o Chocolat Bahia-Festival Internacional do Cacau e Chocolate, em Ilhéus, uma escultura de Jorge Amado feita de chocolate, foi uma das atrações do evento.

 

Uma justa e deliciosa homenagem ao eterno Menino Grapiúna, que certamente aprovaria a fantástica transformação das terras do cacau nas terras do chocolate.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar